Moradores do Setor Barros I realizam atração cultural permanente a partir de domingo em Araguaína

O evento está previsto para iniciar às 18 horas, na praça do setor Barros I.

63

Os moradores do Setor Barros I, em Araguaína, ligados ao Movimento Nacional de Luta Pela Moradia (MNLM), terão a partir desse domingo, 12, o “Sarau do Movimento”. A tração cultural está prevista para iniciar às 18 horas, na praça do projeto.

A intenção da comissão liderada por Kamila Oliveira é que o evento aconteça todo segundo domingo do mês. Segundo ela, o sarau será realizado em praça pública como forma de ampliar a participação de quem gosta de arte, especialmente de literatura.

“No espaço público o sarau flui democraticamente, possibilitando que moradores do Barros I tenham chance de levar sua rima, sua dança, sua música para confraternizar com os amigos. O fundamental é que todos sintam que a literatura pode lhes garantir o lazer e o conhecimento a um só tempo”, ressaltou.

Kamila contou que, em dezembro de 2019, participou do 8º Sarau Belchior, evento mensal realizado há um ano na cidade. “O evento é realizado por escritores, professores e estudantes, tendo à frente os professores Hélio Márcio e Leomar Alves e o escritor jjLeandro. Gostei demais da dinâmica do Sarau Belchior, então pensei: por que não um sarau no Barros I? E ele está nascendo”, enfatizou.

Movimento
O MNLM foi responsável pelo planejamento e financiamento junto à Caixa Econômica Federal (CEF) das 500 moradias do bairro inauguradas em dezembro de 2019.
(Da Redação)

COMENTÁRIOS FACEBOOK