Parlamentares aprovam prioridade para profissionais da imprensa durante a pandemia

O objetivo é mitigar os efeitos econômicos da pandemia do coronavírus, que avança no Estado, minimizando os impactos e as perdas geradas na classe

51
(Foto: Silvio Santos)

A categoria dos jornalistas vem sendo lembrada pelos parlamentares estaduais. Desde a última semana, matérias das deputadas Cláudia Lelis (PV) e Luana Ribeiro (PSDB), direcionadas a esses profissionais, são discutidas e apreciadas em regime de urgência. 

Uma delas é o requerimento de auxílio emergencial direcionado a jornalistas enquanto durar a pandemia causada pela covid-19, apresentado pela deputada Luana Ribeiro. 

Justificativa do requerimento
O referido pacote tem por objetivo mitigar os efeitos econômicos da pandemia do coronavírus (Covid-19), que avança no Estado do Tocantins, minimizando os impactos e as perdas geradas na classe jornalística que foram uma das mais atingidas pelo isolamento social.

“Sabemos que estes profissionais, homens e mulheres que atuam na área jornalística e da comunicação, necessitam neste momento de um amparo, para que possam seguir em frente em busca de dias melhores colaborando com a disseminação da verdade. O jornalismo é essencial para o acesso à informação”, ressaltou a parlamentar.

Outra matéria
Outra requer a inclusão de jornalistas, radialistas e demais trabalhadores da imprensa no grupo prioritário da vacinação contra a Covid-19.  Essa propositura foi defendida e apresentada por Luana Ribeiro e Cláudia Lelis.

Para justificar a prioridade de vacinação para jornalistas, a deputada Claudia Lelis (PV) alega que as empresas que atuam como veículos de comunicação não cessam suas funções. “Nem mesmo em período de suspensão de atividades não essenciais”, ressalta.

O documento aponta que desde 16 de março de 2020, 908 jornalistas morreram em decorrência da doença, em todo o mundo, sendo que desse total, 505 vítimas pertenciam aos 18 países da América Latina. Ou seja, 55% do total de óbitos ocorreram na região.
(Da Redação)

COMENTÁRIOS FACEBOOK